Prepare o seu webinar com Storytelling

Prepare o seu webinar com Storytelling

A nossa jornada pelo Storytelling chega ao seu último capítulo. O objetivo dessa série foi apresentar e demonstrar as possibilidades da arte de contar histórias, trazendo dicas em prol de um webinar mais atrativo. A fim de reforçar tudo que foi apresentado traremos orientações básicas para facilitar a aplicação da jornada do herói. Com isso, independentemente do tema, você será capaz de transmitir conhecimentos, engajar sua audiência com naturalidade e facilitar a memorização dos seus materiais.

Caso tenha alguma dúvida confira os capítulos anteriores aqui:  12 e 3

Antes da começar sugerimos algumas abordagens possíveis:

  • Conte sua história mostrando a experiência pessoal enquanto transmite  o conteúdo. Ilustre com casos e situações e foque na veracidade.
  • Utilize exemplos de histórias ou fábulas passíveis de aproveitar uma lição ou algo equivalente.
  • Crie um personagem e o acompanhe na jornada. Por exemplo, uma estudante que gostaria de descobrir o que é storytelling enfrentando os desafios para tal.
  • Construa um diálogo entre os slides e a sua fala, humanizando a apresentação como um personagem com emoções atribuindo personalidade.

Ao usar a criatividade você encontra outras formas de envolver o público através da narrativa. Vejamos então como cada ponto da jornada pode ser utilizado, por exemplo, para montar uma apresentação de slides.

Experimente Grátis a Eventials com Todas as suas Funcionalidades Disponíveis – Clique Aqui

Mundo comum: 

Questione a audiência fazendo-a refletir sobre uma situação atual, uma provocação, algo não resolvido. Este é o momento para causar impacto e conquistar a atenção. Mostrar as coisas como realmente são.

Chamado à aventura:

Defina um problema, algo a ser resolvido. Uma nova abordagem ou perspectiva para uma situação atual.  

Recusa do chamado:

Antes de entrar no assunto mostre visões contrárias, motivos que poderiam ir contra as suas defesas. Assim no decorrer da narrativa poderá desconstruir essas barreiras.

Encontro com o mentor:

Autores, teorias e materiais que irão apoiar e dar o embasamento para sua apresentação. É importante ficar bem claro sua linha de pensamento, mostrar aqueles em quem você acredita.

Travessia do primeiro limiar:

Assunto propriamente dito, encerre a introdução e vá ao foco do problema. De maneira sucinta, mostre seu objeto de desejo.

Testes, aliados, inimigos: 

Traga exemplos, demonstre as variáveis do problema, como aplicar ou usar sua solução. Um bom momento para demonstrar o que os concorrentes estão fazendo.

Aproximação da caverna:

O que precede o momento chave, quando todos os esforços irão convergir. Crie a tensão ou expectativa para um revelação ou contribuição significativa para quem lhe acompanha.  Momento em que a teoria e prática devem convergir.

Provação: 

Este é o clímax, momento de ressaltar seu objeto de desejo, aquilo que você defendeu desde o princípio. Aqui os principais argumentos devem ficar bem claros, se necessário traga uma visão geral de tudo.

Recompensa:

Reforce o valor do que você apresentou para o expectador.  

Caminho de volta:

Abra espaço para questionamentos ou preveja e responda o tipo de pergunta possível.

Como gamificação e webinars podem ajudar no processo de aprendizagem?

Please follow and like us:

Leia também